Massagem Shiatsu – Massagem do Equilíbrio

massagem shiatsu

No ocidente, a técnica de massagem shiatsu é conhecida por muitos nomes: shiatsu, shiatsu Namikoshi, oha shiatsu, shiatsu-do, shiatsu macrobiótica e zen shiatsu.

Diferente da massagem relaxante que consiste em uma massagem leve, Shiatsu é uma técnica de massagem japonesa que significa literalmente “pressão com os dedos”, a palavra “shi” significa “dedo”, enquanto atsu significa “pressão”. É uma técnica de massagem cuja existência data de mais de 2.000 anos, e é realmente um derivado da antiga técnica chinesa de massagem e cura denominado: acupressão.

No shiatsu acredita-se, assim como na acupressão e acupuntura, que o corpo é composto de 14 meridianos e que cada meridiano corresponde a um órgão importante do corpo. Os 14 meridianos do corpo humano seriam como um canal através do qual os fluxos de energia ou chi fluem. Para o shiatsu um fluxo livre e equilibrado de chi no corpo traduz boa saúde.

Assim como chi deve fluir livremente e em equilíbrio através do corpo, o qui também não pode estar bloqueado, pois se isso ocorrer o corpo experimentará a doença. A doença também acontece quando o chi é empobrecido em certos pontos do corpo, enquanto flui em excesso em outros.

Na massagem shiatsu, o objetivo é remover os obstáculos que bloqueiam o fluxo de energia através dos meridianos do corpo. Além disso, visa restabelecer o equilíbrio desse fluxo de energia. A remoção desses obstáculos e restauração do equilíbrio do corpo são feitos pressionando os dedos – e às vezes os cotovelos, joelhos e pés – nos pontos de acupuntura, também conhecidos como pontos de pressão, ao longo dos meridianos do corpo. O terapeuta massagista de shiatsu também manipula as áreas adjacentes a estes pontos de pressão para estimular a capacidade do corpo de curar e aumentar a sensação de bem-estar.

Medicina ocidental convencional

A medicina ocidental convencional não tem qualquer prova de se os meridianos através da qual os fluxos chi fluem realmente existem no corpo. O shiatsu, assim como outras técnicas de cura semelhantes são tratados como medicina complementar. No entanto, assim como as massagens e outras técnicas de cura derivados de acupressão, está provado que pressionar os acupontos no shiatsu ajuda a estimular a liberação de endorfinas e energiza o sistema imunológico, persuadindo o organismo a combater doenças. O shiatsu pode ser usada para tratar vários problemas de saúde, da dor muscular à dor digestiva e até mesmo a dor emocional.

A massagem Shiatsu pode ser intensa, e por isso não é incomum os pacientes terem vontade de rir ou chorar, querendo gritar ou ainda exibir outras emoções durante o tratamento. Este é considerado um sinal de que o fluxo de energia dentro do corpo está sendo restaurado para a forma como deve ser.

Após uma sessão de massagem shiatsu, o cliente deve sentir uma profunda sensação de calma, relaxamento e contentamento. No entanto, ele ou ela também pode sentir os sintomas de resfriado e gripe, após o primeiro par de sessões, esse é um efeito colateral do shiatsu que também é tomado como um sinal de que o corpo está bem em seu caminho para uma grande melhoria.